Votação do Fala, Curitiba! (CIC) acontece dia 03/04

Compartilhe!

O evento visa participação popular para elaborar lista de prioridades para Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2019

Por Larissa Santin

Cerca de 100 pessoas estavam presentes na Regional CIC nesta quarta-feira (21/03) para participar ativamente da escolha das prioridades para a LDO 2019. O administrador da regional, Raphael Keiji, falou sobre a necessidade da comunidade analisar quais são as verdadeiras necessidades do bairro como um todo, elencando prioridades e deixando para um segundo momento as demandas pessoais em relação as coletivas. “É como na casa da gente. Temos vontade de fazer tudo, reformar o banheiro, pintar o muro, reformar outra coisa, mas não dá pra fazer tudo de uma vez. Aqui é a mesma coisa.”, explica Raphael.

Para a vendedora de brindes, Glaucia Oliveira, moradora do Vitória Régia, a questão de vagas em creches é um problema prioritário. “Nós já somos em 20 mil pessoas no Vitória Régia e só temos 145 vagas em creches. Tem mães que já nem se inscrevem mais, já desistiram. Impossível conseguir uma vaga”, afirma a cidadã que também pediu a instalação de semáforos e revitalização dos espaços públicos. A regional afirmou que uma cancha de futebol sintético será instalada na praça da região e as obras começam ainda esse mês.

Glaucia Oliveira, moradora do Vitória Régia, expondo suas demandas

Cerca de 100 pessoas estavam presentes no evento e participaram da votação prévia

A abertura da UPA também foi assunto na noite. Dyego Krichak, do Sabará, questionou o modelo de gestão por OSs “Em Araucária não funcionou. Em vários lugares não funcionou. Por que vocês querem fazer aqui? Além de ser uma terceirização, que prejudica o trabalhador com a rotatividade. E o custo vai aumentar ao invés de diminuir”, expressa Diego. A Secretaria Municipal de Saúde foi enfática: “Me perdoe, mas você está mal informado. Não é uma terceirização. O custo com a UPA cairá em média de 30%. Nós temos vários exemplos de sucesso com as organizações sociais na saúde. Nós não tomaríamos uma decisão que prejudicasse a população.” Outros moradores também manifestaram sua preocupação com a questão da reabertura UPA e a SMS mantém a previsão para reabertura em maio desse ano.

Alguns moradores, como o Sr Antonio, externaram considerações sobre as enchentes que ocorreram no começo do mês e sobre córregos que necessitam dragagem. Sobre as enchentes, a Regional afirma que as obras de perfilamento estão em andamento e condenou a divulgação de fakenews “Isso de falar que abriram as comportas do Parque Barigui e por isso teve enchente não é verdade. Choveu 70 mm em uma hora e meia, estava além do que poderíamos prever. É a natureza”, argumenta o administrador que também elogiou o trabalho do CRAS no momento de crise.

A votação das prioridades acontece de duas formas: no dia 03/04, presencialmente, ou por meio do site http://falacuritiba.curitiba.pr.gov.br/.

Até o dia 21/03, as demandas mais votadas foram: aumento de vagas em CMEI, reabertura da UPA, revitalização espaços públicos, roçado e limpeza, políticas públicas, Unidade Básica de Saúde e melhoria no transporte.

 

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 + 7 =