RELATÓRIO DA UNICEF TRAÇA PANORAMA DOS DIREITOS DAS CRIANÇAS NO BRASIL

Compartilhe!

Por: Isabela Alves

Em homenagem aos 30 anos da Convenção sobre os Direitos da Criança, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) lançou um estudo que traça um panorama sobre os avanços e desafios da Convenção sobre os direitos das crianças no país.

Os avanços são notáveis em alguns aspectos. No quesito da educação, por exemplo, o relatório apontou que 95,3% das crianças, entre 4 e 17 anos, frequentam a escola regularmente no Brasil. Também houve uma queda de 71% da mortalidade infantil desde a década de 1990.

No entanto, o relatório também ressaltou que a violência contra as crianças e jovens é algo crítico. Segundo dados do Disque 100 apresentados no relatório, negligência (72,7%), seguida por violência psicológica (48,8%), física (40,6%) e sexual (22,4%) foram os tipos de violação contra crianças e adolescentes mais frequentes. Além disso, os autores dessas violações, na maioria das vezes, são pessoas que deveriam proteger as crianças e os adolescentes, como pais, mães, padrastos e outros membros da família. Mais de 60% das denúncias de violação de direitos ocorrem na própria casa e na escola.

Em relação ao sobrepeso e a obesidade, 17,1% dos adolescentes brasileiros estão com sobrepeso, e 8,4% estão obesos. Os alimentos ultraprocessados foram apontados como o maior fator de risco desta situação. Sobre o acesso à água potável, apenas 51,9% dos brasileiros têm esgoto tratado e acesso ao escoamento e 83,3% têm acesso à água.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × dois =